Esta é a quarta parte da série sobre os equívocos acerca da depressão. Uma das consequências mais comuns para quem sofre de depressão é a desesperança, não só relativamente à vida, mas igualmente face à possibilidade de recuperação. A desesperança será tanto maior, quanto mais vezes tenha tentado ultrapassar a depressão sem obter êxito. Escrevo este artigo com o objetivo de lhe mostrar que apesar das dificuldades que possa estar a enfrentar, é possível reverter a situação e encontrar um caminho bem sucedido.

Não deixe de ler também todas as outras partes desta nossa série de artigos sobre, Olhe a Depressão como ela é:

Se você está deprimido, e acha que já fez tudo para melhorar, já não vislumbra outras escolhas, ou como retomar o seu caminho de bem-estar. Você é levado a pensar: “voltei a não conseguir encontrar um caminho para o êxito” ou “Perdi a última oportunidade para a minha única chance de ter sucesso, estou condenado a não ter sucesso”. Esta forma de raciocinar leva-o a realizar poucos esforços para conseguir o que deseja, consequentemente piorando a sua depressão

Uma mente deprimida não só é negativa, mas rígida, o que dificulta a resolução de problemas que contribui para o próprio estado deprimido. Em vez de perceber que pode ter outras opções (apesar de não ter tido sucesso nas anteriores), o mais provável é que você continue fazendo o que tem feito o tempo todo, reclamando que você não tem escolhido o caminho certo a seguir. Por exemplo, você escolheu a empresa errada para trabalhar, está envolvido com a pessoa errada, dirigindo o carro errado, investindo o seu dinheiro no negócio errado, etc.

Para aprofundar este assunto, pondere ler os artigos:

ESCOLHA UMA DAS MÚLTIPLAS SAÍDAS

Porque é que você não consegue melhorar a sua situação? Provavelmente fica preso no seu “se eu tivesse …” Constrói uma inclinação mental que o dirige para baixas expectativas face a uma escolha melhor ou ter um melhor resultado. É difícil para você ampliar a sua perspectiva, é difícil perceber que mesmo que não tenha obtido êxito nas tentativas anteriores, há outras opções disponíveis.

Comece por acreditar nisso: Não importa qual a direção que você está indo, você pode ir por outro caminho. Tal como expliquei no artigo: Tenho um problema: Devo tomar medicação ou fazer algo para resolvê-lo? Existe sempre uma opção de escolha.  Você não tem que continuar a fazer o que tem vindo a fazer.  Os empreendedores bem sucedidos não são pessoas que tiveram sorte numa das suas escolhas. Em geral, os empresários bem sucedidos cometem mais erros do que a maioria de nós. O que eles tendem a fazer melhor do que a maioria dos outros é corrigir os seus erros. Se verificarem que alguma coisa não está funcionando como deveria ou que tenham escolhido de forma errada, eles param de se mover na direção errada, olham ao seu redor e tentam outra coisa.

Thomas Edison, inventor da lâmpada elétrica e muitas outras invenções surpreendentes (como o projetor de cinema) tentou obter sucesso com 1.000 filamentos diferentes para a lâmpada antes de encontrar o que estava certo. (Coloque uma imagem de Thomas Edison na sua mente para lembrar-se de mudar os rumos da sua vida e continuar tentando). Sei que para quem está em sofrimento e desesperançado com a vida, a ideia de múltiplas tentativas para melhorar a sua condição incapacitante e angustiante pode ser equivalente a um trabalho de hércules. No entanto, a mensagem que quero transmitir, é que se você se sente em baixo, deprimido e pretende superar o seu problema psicológico deve manter em mente a possibilidade de melhoria e de ir tentando até conseguir.

Para aprofundar este assunto, pondere ler o artigo: Força de vontade, uma decisão que depende de nós

POSSIBILIDADE = ESPERANÇA

Tenho ouvido dizer que a sorte é o que acontece no cruzamento da preparação com a oportunidade. Para mim esta frase faz todo o sentido, podendo ser uma mais-valia se a implementarmos na mente. Com isso em mente, informe o seu cérebro deprimido que você está expandindo o seu foco estreito e olhando ao seu redor.

Responda às seguintes perguntas:

  • O que você está esperando? Você tem um objetivo ou algumas metas para sua vida? Se não, comece a falar com outras pessoas sobre os seus interesses, ideias, desejos e sonhos. Em seguida, escolha algo pequeno (não comece com o seu maior sonho,  Ainda) para trabalhar.
  • Você está a preparar-se para o quê? – Você está fazendo algum esforço para desenvolver habilidades no seu trabalho e relacionamentos, ao invés de apenas esperando que algo de bom apareça  no seu caminho?
  • Você está pronto para atingir o seu objetivo? Às vezes, a depressão é complicada por não perspetivar um futuro com sucesso.
  • Quem pode ajudar você a manter-se atento para as oportunidade? Ao viajar, podemos tirar proveito de termos um navegador. Procure um amigo.

A intenção principal deste artigo é transmitir-lhe a ideia de que se sofreu com algumas das tentativas de superar a sua depressão, ou se não obteve sucesso na ajuda que procurou, existe sempre a possibilidade de encontrar outro caminho. Passo-lhe esta esperança baseado na minha experiência, mas igualmente baseado em dados estatísticos e abordagens cientificas. Ou seja, existe possibilidade de encontrar uma solução de êxito para o seu problema através da terapia cognitivo-comportamental. Esta abordagem é a que pratico e preconizo aqui na Escola Psicologia. Pode ter acesso a este tipo de terapia através das nossas consultas de psicologia online.

A depressão tem tratamento. É possível recuperar a sua depressão

Se tem vindo a sofrer com a depressão e apesar das tentativas de superação e de todos os esforços que tem vindo a realizar para melhorar, não tem conseguido resultados positivos, pondere adquirir o meu livro: Diga Não à Depressão – Programa Inovador para Superar a Depressão. Estou certo que irá conseguir aplicar na sua vida o conhecimento que apresento no livro e com isso voltar a sentir-se bem.

Clique na imagem em baixo para ter acesso ao livro e recuperar o seu bem-estar e qualidade de vida:

depressão

Abraço,

Miguel Lucas